É comum que, no início da gestação, os futuros papais fiquem inseguros e cheios de dúvidas — mesmo quando se trata do 2º ou do 3º filho. Afinal, cada gravidez é diferente e, com as atualizações da medicina, até mesmo o pré-natal pode sofrer modificações.

Sendo assim, é importante levar uma listinha com todas as suas dúvidas a serem esclarecidas já na primeira consulta obstétrica. Independentemente do tema, ter a resposta certa para todas as suas perguntas é o único jeito de garantir que tudo está sendo realizado da melhor forma possível para proteger a saúde da mãe e do bebê.

O que é o pré-natal?

É um conjunto de cuidados e ações de saúde com o objetivo de promover uma gestação saudável, detectar e tratar complicações oportunamente para que, ao fim da gestação, mamãe e bebê estejam saudáveis. Deve ser realizado, preferencialmente, por uma equipe multiprofissional (médico obstetra, dentista, nutricionista, psicólogo) e interdisciplinar (diferentes especialidades médicas, por exemplo, se a mulher necessitar). Já que a gestação é um evento natural no ciclo da vida.

O que esperar quando realizo o pré-natal?

Prevenção e tratamento oportuno de condições de saúde a fim de promover gestação e nascimento, ou seja, mamãe e bebê saudáveis.

O ideal é que o casal converse com o médico sobre como será o acompanhamento, quais os tipos de parto, em quais hospitais atende, se aceita plano de saúde e outras questões práticas.

Essa é a hora de tirar todas as dúvidas com o seu médico.